TRANSFIERE 2013, Foro Europeu para a Ciência, Tecnologia e Inovação, celebrou a sua segunda edição no passado 13 e 14 de Fevereiro no Palácio de Feiras e Congressos de Málaga (Fycma), conseguindo um mais 25% de participação que na sua primeira edição. Incorporou interessantes novidades ao programa para impulsionar o desenvolvimento da Terceira Missão da Universidade: apostar pela transferência de conhecimento e tecnologia entre os meios científico, tecnológico e produtivo espanhol e fomentar o empreendimento universitário para avançar na necessária mudança de modelo produtivo para uma economia baseada no conhecimento.

Segundo os organizadores, esta segunda edição de TRANSFIERE 2013 conta com a participação a mais de 200 empresas e instituições, ao redor de 250 grupos de investigação e meia centena de universidades espanholas. Umas cifras que têm gerado mais de 1.600 perfis de ofertas e procuras tecnológicas e ao redor de 2.700 encontros bilaterais de diferente tipos entre os participantes durante estes três dias.

Entre as novidades do programa, TRANSFERE 2013 combina diversos tipos de actividades para dinamizar o debate e a reflexão coletiva em torno dos retos que actualmente apresenta o sistema de inovação espanhol e a melhora das relações entre as universidades, as empresas e a sociedade. Entre estas, se destaca:

  • “Trend Area”: 5 mesas redondas que contam com a participação de 25 palestrantes de relevância internacional e na que se abordaram temas como o papel dos parques científicos e tecnológicos na transferência de tecnologia e o panorama mundial de modelos; a compra pública inovadora como um instrumento a considerar na transferência de tecnologia; experiências inovadoras e com um forte componente endógeno, que funcionam ao ser capazes de adaptar aos recursos do território e dar resposta às necessidades operativas de empresas; e diferentes perspetivas, públicas e privadas, de como fomentar o empreendimento de base tecnológica e apostar pelo desenvolvimento de novas oportunidades de negócio em torno da tecnologia.

  • “Speaker Corner”: 63 apresentações breves, de 10 minutos, de experiências desenvolvidas por diferentes agentes do sistema de inovação espanhol, como linhas de investigação e novidades tecnológicas, contadas da mão dos seus cientistas e técnicos. Entre estes, participam Universidades, Organismos Públicos de Investigação, Centros tecnológicos, Parques tecnológicos e centros de empresas inovadoras, entidades tractoras e colaboradoras.

A Universidade de Alicante participa nesta edição de TRANSFIERE 2013, através do Serviço de Gestão da Investigação e Transferência de Tecnologia (SGITT-OTRI) e o Observatório Virtual de Transferência de Tecnologia (OVTT), apresentando tanto o catálogo de capacidades e resultados de investigação dos grupos de investigação da universidade como a plataforma virtual do OVTT em diversos encontros bilaterais marcados.

Os resultados destes encontros bilaterais ou roda de negócios são muito positivos, especialmente na difusão das funcionalidades atualmente disponíveis na plataforma virtual do OVTT e as oportunidades de colaboração com diversos agentes do sistema de inovação para ampliar a rede de colaboradores do projeto.

TRANSFIERE voltará a Málaga (Espanha) nos dias 12 e 13 de fevereiro de 2014, apostando por impulsionar a participação internacional e seguir avançando em fórmulas que facilitem uma transferência de tecnologia mais ágil e eficiente entre a Universidade e o sector produtivo para impulsionar a inovação empresarial.

Se está interessado em contactar com o OVTT depois do Foro TRANSFERE 2013 pode fazê-lo através de:

  • E-mail: info@ovtt.org
  • Twitter: @OVTT

Mais informação: TRANSFIERE

ovtt.post-categories.explore